Habilidade mental para se trabalhar Foco (binoculo)

Habilidade de Foco

A atenção hoje em dia é um recurso escasso e é tema de vários profissionais coach para desenvolvimento e aprendizado. Esse é o tema fundamental do livro que escolhi falar hoje, Foco – A atenção e seu papel fundamental para o sucesso, do autor Daniel Goleman. E sim, prestar atenção é uma habilidade esquecida, mas cada vez mais valiosa.

À medida que o mundo evolui aceleradamente, torna-se cada vez mais fácil distrair-se, isolar-se e sentir-se perdido com tanta informação e tantas coisas acontecendo.

No entanto, se você quer ser bem sucedido, produtivo e ter relacionamentos pessoais e profissionais melhores, precisa desenvolver seu foco e atenção,

Prestar Atenção, uma Habilidade Chave para o Foco

Muitas vezes pensamos que o mundo atual e o volume imenso de informações ao qual estamos expostos pode acabar com nossa atenção.

Porém, para Goleman, a grande verdade é que a atenção funciona como um músculo. Se você o utiliza pouco , ele pode se atrofiar, mas se você trabalha este músculo, ele cresce e se desenvolve.

Atenção é algo que molda a realidade das pessoas. Pense no quanto a sua visão de mundo é moldada pelas coisas nas quais você presta atenção. Principalmente se você vive em uma “bolha” e sempre está preso nos mesmos assuntos e contextos.

Não vamos entrar no assunto de viver em bolha agora, pois isso é um outro tema bem abrangente, no qual há pessoas prós e contras.

Cada coisa na qual você decide focar é um filtro na maneira como você vê o mundo e aprende. Goleman cita o grandioso mestre Yoda, de Star Wars, nesta passagem: “Seu foco é a sua realidade!”

É essencial, portanto, que escolhamos com cautela onde “gastamos” ou “investimos” nossa atenção, para determinar o que queremos ver e ser.

Os 2(dois) tipos de distrações: Sensorial e Emocional

Existem dois tipos principais de distrações. As distrações sensoriais e as emocionais.

Distrações sensoriais são fatores externos que estimulam nosso cérebro, como, por exemplo, barulhos, novas cores, sabores, cheiros e sensações. Ao longo do tempo, nosso cérebro é bastante eficiente para se desligar deste tipo de distração.

Já a distração emocional ocorre quando, por exemplo, ouvimos nosso nome, temos um problema em nossas vidas ou terminamos um relacionamento.

É preciso saber lidar com esses dois tipos de distrações para manter nossa atenção focada. Se você tem a atenção focada, o cérebro conecta as informações que já sabemos às novas informações, criando novas conexões neurais. Quando não estamos focados, nosso cérebro não faz estas conexões, o que prejudica a retenção do conhecimento.

Mente bottom-up e Mente top-down

O cérebro possui dois sistemas mentais semi-independentes e cada um deles têm suas características. Um deles funciona de baixo para cima (mente bottom-up) e outro que funciona de cima para baixo (mente top-down).

Trabalhando a Mente top down e bottom up - Foco

Mente bottom-up: Possui alta capacidade de processamento, resolvendo problemas de forma involuntária e automática. Não somos capazes de perceber seu funcionamento.

Mente top-down: Nossa consciência reside aqui, onde temos controle e a gerenciamos através das nossas intenções. Essas atividades mentais ocorrem no neocortex; monitoram e podem, de certa forma, direcionar a mente top-down.

Ela é mais lenta e consome esforço e energia para ser utilizada, por isso ela não é capaz de trabalhar por muito tempo sem pausas, geralmente requer esforço voluntário para ser utilizada.

Divagação e foco solto

Manter seu foco aberto e manter seus pensamentos à deriva também tem um papel importante. Porém, em vez de divagar em direção a algo perdido, é sempre possível ir na direção de coisas que sejam valiosas e daí surgirem grandes insights.

Obviamente, é cada vez mais dificil ter tempo para ficar sozinho com você mesmo, relaxar e refletir, mas é muito importante que você tenha estes momentos, pois eles são capazes de aumentar dramaticamente seu potencial criativo e sua imaginação.

Steven Paul Jobs foi um inventor, empresário e magnata americano no setor da informática (Apple) - Foco
Steven Paul Jobs foi um inventor, empresário e magnata americano no setor da informática (Apple)

Steve Jobs sempre aconselhou que não devemos deixar a voz de outras pessoas apagarem nossa voz interior. É preciso também seguir nossos corações e intuição, pois eles sabem o que queremos ser e onde queremos chegar, ele dizia.

Com isso sempre será mais produtivo e mais importante, terá qualidade de vida fazendo o que você faz.

 

Publicado por

Fábio G. Silva

Formado em Business Marketing pela Ohio University, Gestor de Pessoas pela PUC Minas, Especialista em Desenvolvimento Web pela PUC Minas e Produtor Multimídia pela UniBH. Atua com Marketing Digital em empresas privadas de diversos segmentos e nos tempos livres é fotógrafo, viajante no mundo, CEO na Tricks (Guia Radical), blogueiro no CV do Fábio e ainda pratica esportes radicais.