saindo da inercia e se desenvolvendo

Saindo da inércia: mudando sua vida em 10 minutos

Todos nós sabemos que quando temos algo novo para começar sempre criamos desculpas ou deixamos para próxima segunda feira. Este texto é dedicado às pessoas que querem iniciar algo novo ou pelo menos sabem que precisam, mas falta aquele pontapé inicial para sair da inércia.

Quantas vezes você já ouviu alguém falando vou começar a dieta na segunda-feira ou vou começar após aquela festa tal. Ou até mesmo, o famoso “vou começar a fazer inglês, mas estou sem tempo, preciso arranjar um horário”.

Esse tipo de atitude a longo prazo é bem prejudicial ao seu desenvolvimento pessoal e conquistas profissionais. Abaixo vou mostrar um modelo que estou utilizando para deixar meus dias mais produtivos a ponto de executar pequenas tarefas que irão gerar um resultado maior a longo prazo.

Lembre-se, para você tomar uma ação, gasta-se segundos. Quanto tempo você demorou para decidir se leria este texto?

Métodos de execução de planos curtos para resultados a longo prazo

Se eu falar que irá gastar 106 horas para assistir um seriado você certamente desistirá de por falar que não tem este tempo. Mas aí vem a pergunta, quantas pessoas não gastaram mais isso para assistir a série How I Met Your Mother? Ou até mesmo outras série (novela) ou anime.

Comecei um período de desenvolvimento intensivo na minha vida onde estou tentando ser o mais produtivo possível tanto na minha vida pessoal quanto na profissional. É desgastante, mas prazeroso. Como estou fazendo? Coisas básicas do dia a dia, não preciso eliminar nada da minha agenda, apenas organizar para conseguir atender as minhas prioridades.

Primeiro passo: definir horário exatos para atividades com intervalos de ócio

Você é humano e vai ter horas que você irá assistir uma borboleta voando ou tomará um café mais longo. Então seja realista e monte seu cronograma. Como resultado disso consegui encaixar na minha semana acadêmia, aula de inglês, horário comercial de trabalho, natação e um tempinho para escrever e compartilhar conhecimentos adquiridos com vocês.

Resultado da primeira semana

Vontade de não fazer mais nada, mas por outro lado você vê que está evoluindo pouco a pouco em diversos aspectos e quer continuar assim. Mantendo a saúde em dia, aprendendo algo novo a cada dia, ajudando outras pessoas a serem melhores etc. São mini recompensas que fortalecerão sua motivação.

Passo 2: entender como você investe seu tempo (ou o desperdiça)

Fiz um teste recentemente onde controlava as minhas ações digitais através de um software chamado Rescue Time. Com isso, identifiquei quanto tempo eu tinha de distração em redes sociais, navegando em coisas que não agregava nada e até mesmo, quanto tempo eu realmente estava produtivo. Essa é uma das melhores maneiras de saber se você tem tempo ou não. Curiosidade, gastava cerca de 10 horas semanais no celular, hoje estas horas já caiu pela metade.

Bônus extra: Como administrar melhor seu tempo

Abaixo vou citar 3 métodos que me ajudam no dia a dia a sair da inércia e criar meu próprio ritmo de desenvolvimento.

Método Self-learning

Quando quero aprender algo novo, o método que eu mais tenho usado é o self-learning, que se baseia em identificar o seu perfil do aluno (pois, somos alunos eternos) a fim de desenvolver e planejar ambientes de aprendizagem e objetos de aprendizagem personalizada. Seja com cursos VIPs, seja online, seja em turma, uma hora antes e dormir via aplicativo ou no modo que preferir.

Neste caso é bom você utilizar de ferramentas e fazer seu próprio diagnóstico. Como:

  • Diagnósticos de autoconhecimento;
  • Gerenciar seu processo de aprendizagem;
  • Ter um mentor para ajudar em momentos difíceis;
  • Estabelecer objetivos curtos para serem alcançados mais rápidos;
  • Selecionar materiais e meios para aprender;
  • Escolher horário e local para criar um ritmo biológico de estudo;
  • Auto avaliação;

Método PQP

Ao contrário da primeira vista, este termo é bem intencionado. Ele se baseia na sigla de 3 termos sequenciais que te ajudam organizar seus pensamentos e objetivos

P – Por que?

A melhor pergunta (inclusive quando falamos de Golden Circle). A resposta desta pergunta te motivará ou não a executar suas ações. Caso você não tenha sido convencido aqui seu projeto tende ao fracasso.

Ter este método documentado te ajudará a entender suas falhas e desmotivações e até mesmo te motivar.

Q – Quem?

Definição de papeis é um fator importante. Devemos entender até onde vamos e onde começa o trabalho de outros. Entenda qual o seu papel e quem irá avaliar para obter sucesso.

P – Passo a passo

Seu cronograma de execução com métricas importantes e a participação do Q-Quem, como essas pessoas executam e avaliam esta etapa de execução.

As vezes ficamos presos em pensamentos por não saber onde queremos chegar, ter seu passo a passo irá evitar esta situação

Método 12 semanas

Método baseado no livro The 12 Week Year de Brian P. Moran e Michael Lennington. Baseia-se no descarte do pensamento anual e começar a trabalhar como se cada mês, semana e dia contassem.

Então para objetivos a longo prazo, seja para juntar dinheiro, seja para ter o corpo dos sonhos ou até mesmo para se tornar um super CEO de uma multinacional você precisa se planejar a longo prazo. Pois, não serão coisas que acontecerão de um dia para o outro.

A periodização quebra o ano em quatro ciclos de 12 semanas, e te ajuda a alcançar resultados excepcionais dentro de cada período.

Faça valer cada semana: O problema com as metas anuais é que elas dão a impressão de que você tem um longo caminho pela frente até o fim do ano. É fácil desistir nos primeiros meses, porque você acredita que pode recuperar o tempo perdido depois.

Conecte-se emocionalmente: O segredo para alcançar muitos resultados em qualquer esfera da atividade humana é ter uma visão convincente para que você possa se conectar em um nível emocional.

Sua visão de negócios não vai existir em isolamento, mas será alinhada com sua visão pessoal. Você precisa primeiro articular o que você quer em sua vida em todas as dimensões – espiritual, relacionamentos, familiar, renda, estilo de vida, saúde e comunidade. Depois que você esclarece sua visão pessoal, você pode criar objetivos de negócio e de carreira alinhados.

Desenvolva seu plano: Para alcançar em 12 semanas o que você costumava alcançar em 1 ano, você vai precisar trabalhar em um plano escrito por três motivos:

  1. Um plano escrito reduz erros.
  2. Um bom plano escrito economiza tempo.
  3. Um plano bem pensado te dá muito mais foco.

Execute uma semana por vez: Depois que você desenvolver seu plano de 12 semanas, você vai precisar ter atitude para cumpri-lo. A execução acontece quando você segue o plano e a melhor maneira de fazer isso é desenvolver um plano semanal que se alinha com o plano de 12 semanas.

Meça seus resultados: Se você quer aumentar seus níveis de desempenho, desenvolva indicadores semanais. Eles devem servir para ajudem a acompanhar seu desempenho nas atividades críticas que precisam ser realizadas todas as semanas, para alcançar os objetivos gerais de 12 semanas. Medir a porcentagem de atividades que você completa a cada semana vai te ajudar a alcançar a excelência.

Tenha um propósito: O segredo para alcançar grandes realizações em 12 semanas é ser intencional sobre o uso do seu tempo. Estudos demonstraram que até mesmo profissionais ocupados e sem tempo desperdiçam cerca de duas horas todos os dias com coisas aleatórias. Para recarregar sua produtividade, você precisa ser mais intencional com seu tempo.

Domine seus resultados: Você é dono dos seus próprios resultados, independentemente das circunstâncias. Você faz a escolha de se mover e de encontrar maneiras para aumentar sua produtividade.

Para aumentar seu desempenho, você precisa parar de esperar que a economia melhore, que sua empresa desenvolva um produto melhor ou um preço melhor. Comece a trabalhar com as coisas que estão sob seu controle – seus pensamentos e ações.

Faça o que você pode, com o que você tem, onde você está.

Faça o que você pode, com o que você tem, onde você está.
(Theodore Roosevelt)

Assuma compromissos: Para ter um alto desempenho, você precisa manter suas promessas, independentemente se essas promessas foram feitas para você ou para outras pessoas.

Trabalhe em seu desempenho: Atletas olímpicos não alcançam a grandeza no momento da competição. Eles se tornam grandes quando decidem pagar o preço de treinar duro, e então se esforçam no treinamento e fazem os sacrifícios necessários.

Procure desequilíbrios intencionais: Muitas pessoas falam sobre manterem uma vida equilibrada, mas a realidade é que você não quer gastar a mesma quantidade de tempo em todas as áreas da sua vida. O segredo para aumentar sua produtividade é ter um propósito sobre onde e como você gasta seu tempo, energia e esforços.

Fim, agora podemos começar

Após estes insights espero que tenha te ajudado a entender um pouco mais do seu comportamento e como você poderá se desenvolver em cima dele.

Não existe nenhuma fórmula perfeita para evolução, desenvolvimento ou aprendizado. Porém somos adaptáveis e flexíveis a ponto de conseguir entender e escolher a melhor forma para crescermos baseada em nossas características individuais.

Entender seu cenário atual e suas dificuldades são os primeiros passos para criar seu plano de ação. Agora que você conhece alguns métodos, escolha aquele que mais se adapta a você e separe uns minutos para seu primeiro plano.

Sua felicidade só depende de você. Saia da inércia.

“Planos são apenas boas intenções a menos que imediatamente se torne trabalho duro.” (Peter Drucker)

Boa aventura!

Sugestão de leitura: Entenda suas finanças para mudar de vida – Controle Financeiro

Publicado por

Fábio G. Silva

Formado em Business Marketing pela Ohio University, Gestor de Pessoas pela PUC Minas, Especialista em Desenvolvimento Web pela PUC Minas e Produtor Multimídia pela UniBH. Atua com Marketing Digital em empresas privadas de diversos segmentos e nos tempos livres é fotógrafo, viajante no mundo, CEO na Tricks (Guia Radical), blogueiro no CV do Fábio e ainda pratica esportes radicais.